domingo, 4 de junho de 2017

Detalhes portugueses em Olivença











Conheci Olivença na década de 70 do século passado. Era uma povoação pequena, pobre e com evidentes sinais de abandono. Depois, com a mudança de regime político e a implantação de um poder local democrático, a cidade foi-se transformando.
Hoje dá prazer visitá-la... 
Os sinais da vila portuguesa ainda lá estão e são preservados. Mas, sem qualquer espécie de complexo, outros elementos foram, entretanto, acrescentados e que marcam bem a diferença quando a comparamos com outras cidades espanholas. Por exemplo, alguns passeios e largos foram pavimentados por calceteiros portugueses, com a característica calçada portuguesa. 

É deste modo que os oliventinos resolvem a questão de Olivença, relacionada com a discussão sobre a soberania desta terra, portuguesa desde o Tratado de Alcanizes (1297) e que, de facto, foi anexada por Espanha em 1801 e nunca devolvida a Portugal.
Este painel de azulejos encontra-se na entrada do Centro Cultural da cidade. 
Foto: Compadre Gambuzino.
Texto copiado e adaptado do blogue: http://gambozino-alentejano.blogspot.pt/
Fotos da autoria do nosso compadre e amigo Luis Troca de Castro